Menu

Mudanças

domingo, 31 de janeiro de 2016 Nenhum comentário
Se tem uma coisa que estou ficando profissional é em mudanças, a cada mudança o processo fica mais rápido e menos doloroso, não podemos esquecer dos amigos, na ultima mudança, na primeira semana de janeiro contei com ajuda de alguns amigos, o que otimizou o processo e tornou tudo mais divertido.
Cada mudança é um drama, não sei onde vai ficar cada coisa, neste caso, por exemplo que o apartamento é ainda menor, estou me desapegando de muita coisa, fora o destralhamento e como eu guardo tralhas!

Mas não foi só a mudança de endereço que me tomou tempo esse mês, também estou tentando mudar e melhorar minha rotina e alimentação. Se antigamente eu não tinha rotina, agora tenho e no tempo livre eu nem sei o que fazer primeiro e com tanta coisa pra fazer acabo não fazendo nada.
Fora que mudei tão rápido e mal deu tempo de lavar a casa nova que tá mais pra velha mesmo, deixei algumas coisas pra fazer depois da mudança e logo faz mesversário e nada de concluir.
O blog, ou melhor, os blogs, estão abandonados. Assim não pode, assim não dá.
Como agora estou mais longe do trabalho e o percurso de 25 minutos pulou pra uma hora com sorte do ônibus passar rápido, vou baixar podcasts para ir e voltar ouvindo e aproveitar o tempo para aprender alguma coisa, provavelmente todos serão sobre publicidade.
Tenho/preciso/devo levar lanches para comer na parte da tarde, almoço 12;30 chego em casa as 20;00. São quase 8 horas só bebendo água, não tem plano de melhorar alimentação que funcione, e depois que começar a faculdade, só chego em casa lá pela meia noite, ou seja, se eu sobreviver vou poder dar entrevistas explicando como viver de luz, ou de ar, ar condicionado!
Outra mudança que preciso fazer é nos móveis da casa, nas cores das paredes, tem coisa que da medo, como o banheiro, já joguei cloro de cima a baixo, já tentei botar tapete, pensei numa cortina no lugar do box, mas não tem jeito, queria mesmo era derrubar e fazer outra vez, mas como não tenho grana pensei no seguinte: trocar o armarinho e espelho e pintar as paredes com tinta pra azulejo, será que dá certo?

Na verdade cada comodo precisa de um upgrade, no quarto não cabe mais minha arara, um lado dela fica inutilizado, terei que comprar um guarda roupa de qualquer jeito.

Na cozinha preciso de uma mesa, ou balcão, qualquer coisa que eu possa abrir massas ou sentar pra comer, sem ficar desfilando pela casa. No quarto dos meninos precisa também de um guarda roupas, tirar o rosa da parede e todos os resquícios de adesivos. Na sala, a sala é um caso sério, tem uma mesa enorme que virou estação de trabalho e fica sempre bagunçada com 3 notebooks, falta um canto para arrumar o home office ou o bom e velho escritório, como queira.

Tem muita coisa para arrumar nesse apartamento, muita tralha para tirar, muitas peças para doar. Fiz até um vídeozinho rápido para mostrar o apartamento e vocês terem uma noção do desafio.
Minha sorte é que conto com a ajuda da Porto Seguro, além do Porto Cap, como garantia do aluguel, fiz o seguro residencial para esse apartamento também, já no dia da mudança pedi socorro para instalar o chuveiro. Ainda tenho crédito para vários outros serviços. É uma pena que eles não matem baratas no meio da noite porque até dedetização tem. Saí do décimo primeiro para o térreo, oremos!


A Publicidade e as Mulheres

terça-feira, 5 de janeiro de 2016 Nenhum comentário
Quando a gente pensa que está tudo entrando nos eixos, eis que a publicidade me surpreende novamente, justo de onde eu menos esperava. Depois de uma sequencia de comerciais emocionantes, o Boticário errou feio, errou rude, foi tosco, resumiu todos os problemas de relacionamento a apenas vaidade. Claro, porque é mais fácil conviver com uma pessoa se ela estiver cheirosa, bem penteada e de salto em casa o dia inteiro, ou só na hora que o marido estiver chegando pelo menos.

A culpa de todos os problemas conjugais foi transferida automaticamente para as mulheres, que não souberam ser vaidosas o suficiente para manter o maridão interessado.
Junto disso teve o episódio da Ivete protagonizando uma cena de ciumes do palco, e a Ivete, tá faltando o que?

Lembrando que elas estavam lindas no momento de assinar o divórcio, e até duvido que sejam mesmo casais reais, mas foi preciso uma equipe para a produção, mulheres sozinhas só chegariam com pelo menos 4 horas de atraso, ou perderiam o dia pra arrumar roupa, cabelo e maquiagem, só pra sei lá, dizer "Olha o que perdeu" Se eu me maquiar eu fico bonita. Que tipo de mulher precisa disso?
Não tá fácil ser mulher, nunca foi, é só uma competição pra ver quem parece mais nova, mais magra, mais bonita, gastar todo o salario com produtos de beleza não está no meus planos.
Eu a beira dos 40 se for comprar e usar tudo o que me indicam teria que ter 3 empregos ganhando o dobro do que ganho hoje em todos e ainda teria que dormir uma hora mais tarde, acordar uma hora mais cedo e ainda passar minha hora do almoço em centros de estética, tudo isso pra que?
Não entro nessa briga, infelizmente não tem como ganhar.
Talvez a mensagem que o Boticário queria passar fosse outra, exatamente o contrário, mas não funcionou, dá impressão de dor de cotovelo, raivinha, sentimento de culpa pelo casamento não ter funcionado.

Nessa mesma semana assisti também  o filme Um Senhor Estagiário que retrata o assunto de forma leve, de certa forma até engraçada.
Seja qual for o angulo que se encare a situação não se pode culpar as mulheres, nem lhes atribuir mais funções nessa vida onde não é permitido não ser ícone de vaidade e passar por fases da vida que são muito mais fáceis para os homens, como envelhecer, por exemplo. Homem velho fica charmoso, interessante, estável, mulher velha é o contrario, a não ser que durma no formol, só vejo mulheres mais velhas serem elogiadas se estão com o mesmo peso dos 20 anos, se conseguem disfarçar as rugas e fugir dos paparazzis na praia, ou pelo menos conhecer um bom editor gráfico pra caprichar no Photoshop.
Não caia nessa armadilha, faça o que fizer faça por você, não assuma uma culpa que não é sua, auto confiança não é isso!


Projetos 2016

sábado, 2 de janeiro de 2016 Nenhum comentário
Finalmente chegou 2016 e com ele muitos planos, muita vontade de fazer tudo diferente, metas eu sempre tenho, mas nem sempre consigo realizar.
Acompanhando alguns vídeos no youtube lembro de alguém ter falado sobre dividir as metas em categorias para facilitar e também deixar em algum local visível para lembrar de correr atrás e conseguir chegar junto no final do ano, eu concordei, infelizmente não reencontrei o vídeo para compartilhar aqui, mas a dica acredito que consigo reproduzir.


As categorias são : Dever - Meta - Sonho - Desejo


Por exemplo:
Dever - Ficar mais saudável e eliminar  20 quilos.Guardar dinheiro (10% de tudo). Ajudar quem resgata animais de rua.

Meta - Viajar nas férias, ter mil assinantes no blog, fazer vídeos, escrever um livro, comprar roupas todo mês( preciso muito me vestir melhor)

Sonho - Ir pra NY ou Argentina, comprar um carro, comprar meu apto.

Desejo - Decorar uma parede do apto com quadrinhos, comprar um guarda roupas novo, comprar móveis e objetos decorativos para deixar a casa mais bonita e confortável, adotar mais um gato, fazer outra tatuagem,

As coisas que devo fazer não adianta inventar desculpas para não fazer, são possíveis, só basta se organizar e começar. Desmembrar em itens pequenos e facilmente alcançáveis torna mais real e atingível.
Emagrecer 20 kgs parece muita coisa e é, mas quando você divide em 1,5 quilos no mês e até meio quilo na semana fica mais possível.
Anotar pequenas atitudes para conseguir esses objetivos e toda a metodologia também ajuda: Levar marmita todos os dias, consumir menos carne, evitar refrigerante, consumir doces apenas uma vez na semana, comer uma fruta por dia. Incluir mais legumes e verduras, um por dia pelo menos, acordar meia hora mais cedo para dançar um pouco antes de ir para o trabalho, descer do ônibus um ponto antes, subir de escada no trabalho...
Viu? não requer pratica nem tão pouco habilidades, é organização.
As metas são coisas que também são possíveis mas requerem mais dinheiro e trabalho, encontrar um tempo na agenda para conseguir executar, mas que com disciplina também podem se tornar reais.
Já dizia um samba enredo que "sonhar não custa nada" e eu continuo sonhando com algumas coisas e que quero realizar, senão esse ano nos próximos, mas se não começar a poupar agora e trabalhar nesses sonhos agora não serão realizados nunca, eu pelo menos não conheço ninguém que tenha ganhado um apartamento ou uma viagem para NY e nem mesmo ninguém que tenha ganhado um carro e olha que todo ano todos os shoppings sorteiam pelo menos um.
Desejos são coisas mais simples e que tornam a vida  mais gostosa, mas que também precisam de planejamento para não atrapalharem os deveres e metas.
Tudo é possível!
Basta organizar, verificar com frequência, traçar o plano B e se jogar.
Para garantir que não vou esquecer vou tornar esse post fixo no topo do blog e deixar tudo num caderninho que cabe na bolsa, assim posso carregar para todo lado e anotar ideias que forem aparecendo durante o decorrer do ano e fazer as mudanças necessárias para chegar ao objetivo.
E você, já traçou suas metas para 2016, tem algum truque para conseguir realizar?


 
Desenvolvido por Michelly Melo.